Primeira moeda que brilha no escuro do mundo entra em circulação no Canadá

Foto ilustrativa mostra notas de dólar dos Estados Unidos ao lado de notas de real. 10/09/2015 REUTERS/Ricardo Moraes
Dólar cai ante real após dados dos EUA e à espera do Fed
June 14, 2017
Foto ilustrativa mostra notas de dólar dos Estados Unidos ao lado de notas de real. 10/09/2015 REUTERS/Ricardo Moraes
Dólar tem forte queda e chega a R$ 3,20 com condenação de Lula
July 12, 2017

Primeira moeda que brilha no escuro do mundo entra em circulação no Canadá

moeda_canadense_brilha_no_Escuro_2017

O Canadá vai celebrar os 150 anos da confederação com a emissão da primeira moeda que brilha no escuro. Conhecida como “toonie”, a moeda de dois dólares canadense foi criada num concurso de design com mais de 10 mil inscrições.

A moeda, produzida pela Royal Canadian Mint, mostra duas pessoas a remar num barco com uma aurora boreal ao fundo. Durante o dia, a cena aparece em azul e verde e, no escuro, brilha.

O porta-voz da instituição, Alex Reeves, diz que a produção da primeira moeda do mundo que brilha no escuro tem como objetivo demonstrar “um pouco da inovação canadense e o orgulho pelas comemorações dos 150 anos do país”.

“Queria escolher algo que fosse realmente maravilhoso. E acho que não há nada mais maravilhoso do que a aurora boreal canadense”, afirmou o criador da moeda, Timothy Hsia.

Um em cada dez canadenses deverá conseguir encontrar a “toonie” em circulação, mas os restantes terão mesmo de comprar a versão para colecionador.

O país já tinha experimentado a técnica de brilho no escuro em 2012, com uma moeda de 25 centavos que exibia um esqueleto de dinossauro, mas que não chegou a entrar em circulação. A moeda teve, segundo a imprensa canadense, uma tiragem de 25 mil impressões para colecionadores, e cada uma foi vendida por cerca de 30 dólares canadenses.

Abaixo, moeda comemorativa de 25 centavos em 2012
antiga_moeda

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *